sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Classificados

Na primavera passada eu colhi várias sementes de vento leste.
Elas parecem aqueles feijões que saltam.
Estão sempre na iminência de soprar.
O vento sai do leste em direção ao oeste.
E para aqueles que buscam o Oriente, elas não servem.
Sempre vão soprar na direção do des-oriente.
Se você anda muito bem orientada/o, é bom plantar algumas.

Hoje e amanhã, nos classificados do  Correio Braziliense.


É claro que eu só faço a entrega pessoalmente. Eu tinha que ser muito desorientada para mandá-las pelo correrio. É claro que elas não achariam o rumo.

Obrigada pelas eternas contribuições, professor @arautonho !

2 comentários:

  1. Quero sempre que suas palavras soprem para o lado de cá, obrigada pela desoriantação!

    ResponderExcluir